Notícias

Serra é a cidade mais transparente do estado nos gastos com coronavírus

Serra é a cidade mais transparente do estado nos gastos com coronavírus


 

Com nota 100, segundo a avaliação da ONG Transparência Capixaba, a Serra ficou em primeiro lugar no Ranking de Transparência no Combate à Covid-19, um importante instrumento de promoção do controle social.

A base é o guia de Recomendações para Transparência de Contratações Emergenciais em Resposta à covid-19, produzido de forma conjunta pela Transparência Internacional – Brasil e o Tribunal de Contas da União (TCU), que foi utilizado para avaliar os estados e suas capitais.

Nesta primeira edição, foram avaliados 25 municípios do Espírito Santo com mais de 30 mil habitantes (com exceção da capital, que já havia sido avaliada pela Transparência Internacional junto com as capitais). O resultado da Serra foi classificado como ótimo pela Transparência Capixaba. 

Para o prefeito da Serra, Audifax Barcelos, receber nota máxima em transparência durante uma crise mundial é reflexo de um trabalho contínuo para utilizar os recursos disponíveis da melhor forma possível em prol da população, buscando minimizar os efeitos da pandemia. “Hoje, a transparência nos atos administrativos é uma ferramenta essencial para o controle social, neste momento de grandes desafios para a gestão e o cidadão”, comenta.

Segundo a Controladora Geral do Município, Magaly Nunes, a equipe da Controladoria vem trabalhando para manter o nível de excelência na transparência, alinhado a parâmetros de boas práticas de órgãos nacionais e internacionais. “Com a pandemia, tornou-se fundamental a divulgação de informações sobre o combate ao coronavírus, inclusive sobre as contratações de serviços e aquisições, de forma mais detalhada e clara. Criamos uma área exclusiva sobre o tema em nosso portal da transparência, de modo a facilitar o acesso a esses dados pela população”, explica a controladora.

Ao acessar o portal http://transparencia.serra.es.gov.br, no canto superior direito é possível clicar em “coronavírus” e ter acesso a autorizações de fornecimento e ordens de serviço; contratos; licitações; legislação municipal, estadual e federal.

 

De: 24/07/2020
Por: Sindifer

LEIA +


Filtrar por data
até Filtrar por assunto

PUBLICIDADE